terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Minha Deusa da Lunação – 16/01 a 15/02/ 2018: Hera

“Você pode dar as boas-vindas a relacionamentos respeitosos”
Na antiga Grécia, Hera era cultuada como a deusa do casamento. Como regente dessa sagrada instituição, ela era responsável pela sua proteção. Quando os laços dos matrimônios não eram respeitados, sua raiva talvez fosse tão lendária quanto o seu tempestuoso e difícil relacionamento com seu marido, Zeus. O casamento de Hera e Zeus foi celebrado na Beócia com um ritual usando símbolos do deus e da deusa. Uma acha de madeira era carregada para um abrigo uma carroça puxada por bois e ateavam-lhe fogo. Os bois e as árvores eram consagrados a Hera; Zeus regia o fogo e os relâmpagos.

De muitas maneiras, esse antigo ritual é influenciado pelas expectativas tradicionais de casamento. A energia masculina, simbolizada pelo fogo, devora o feminino passivo. Felizmente, os relacionamentos matrimoniais mudaram através dos tempos para refletluar um relacionamento mais juntos entre maridos e esposas.

Texto retirado do livro “Oráculo Sagrado das Deusas”, de Kris Waldherr


Boa lua nova a tod@s!

Mônica Azevedo

domingo, 24 de dezembro de 2017

Minha Deusa da Lunação – 18/12/2017 a 16/01/ 2018: Vênus

"O amor lhe trará prazer"
O Nascimento de Vênus - Pintura de Sandro Botticelli
 

Vênus foi o nome que os antigos romanos deram à deusa do amor. Fruto da união do mar e do céu, Vênus nasceu da espuma do mar  e da água foi trazida à terra numa concha. Ela foi descrita como “a estrela do mar” pelos seus adoradores e considerada a rainha do prazer. Durante centenas de anos artistas e poetas a evocaram em busca de inspiração.

Vênus é a deusa que inspira as pessoas a amar umas às outras, assegurando que a raça humana continue a crescer. Os gregos a conheciam como Afrodite; o nome “Afrodite” significa literalmente “Aquela que veio da espuma”. Suas serviçais, três Graças chamadas Alegria, Brilho e Florescimento, ilustram as maravilhas que a deusa pode oferecer se ela quiser atender aos pedidos terrestres;

Texto retirado do livro “Oráculo Sagrado das Deusas”, de Kris Waldherr





Mônica Azevedo

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Dia de Santa Bárbara e Oyá

Hoje é dia delas!
Salve Santa Bárbara!
Epa hey Oyá!
"Santa Bárbara, que sois mais forte que as torres das fortalezas e a violência dos furacões, fazei com que os raios não me atinjam, os trovões não me assustem e o troar dos canhões não me abale a coragem e a bravura.
Ficai sempre ao meu lado para que eu possa enfrentar de fronte erguida e de rosto sereno todas as tempestades e as batalhas de minha vida, para que vencedor de todas as lutas, com a consciência do dever cumprido, possa agradecer a vós, minha protetora, e render graças a Deus, criador do céu, da terra, da natureza: este Deus que tem poder de dominar o furor das tempestades e abrandar a crueldade das guerras.
Santa Bárbara rogai por nós!"
🙏🙏
🌩️🌬️⚔️🕯️


Ana K.

sábado, 18 de novembro de 2017

Minha Deusa da Lunação - 18/11 a 18/12/2017: Isis


No Egito, Ísis é considerada a grande mãe do universo.  Também foi adorada na época do Império Romano. O seu poder de cura é tão grande, que trouxe de volta à vida o seu marido, Osíris, quando o seu irmão, Set o assassinou e dividiu em vários pedaços. Ísis procurou cada pedaço de Osíris e com suas habilidades mágicas, conseguiu encontrá-los e ressuscitar o marido. E da união de Ísis e Osíris, nasceu Hórus, um deus de igual importância no Egito.

Busque o auxílio de Ísis sempre que precisar de acolhimento, cura e poder. Ísis também pode nos ajudar a resolver questões de vidas passadas.

Ótima lua nova a tod@s!

Mônica Azevedo

Oráculo consultado: “Oráculo Sagrado das Deusas”, de Kris Waldherr


domingo, 22 de outubro de 2017

Minha Deusa da Lunação – 19/10 a 18/11/ 2017: Hathor

“A prosperidade está à sua espera. Procure exemplos dela em ação.”
Hathor foi cultuada no antigo Egito como A Deusa do Ouro – uma divindade suficientemente poderosa para ajudar em dilemas que iam desde dificuldades no amor até a falta de prosperidade. Deusa da fertilidade e da abundância, acreditava-se que ela era a mãe do panteão de deuses e deusas egípcios. Portanto, muitas pessoas identificam essa deusa com a Via Láctea, aquela maravilhosa faixa de estrelas tão visível nas noites escuras, sem luar. Apropriadamente, Hathor também era reverenciada como a Senhora do Céu. Era tão popular que chegou a ter 61 sacerdotisas em seu templo.

Desde os tempos mais antigos, Hathor recebia pedidos de pessoas que almejavam a abundância pessoal ou ajuda em casos de amor. Os rituais também evocavam a deusa para que ela promovesse a abundância comunitária, como uma colheita generosa para alimentar a todos.

Texto retirado do livro “Oráculo Sagrado das Deusas”, de Kris Waldherr

Ótima lua nova a tod@s!


Mônica Azevedo

sábado, 23 de setembro de 2017

Minha Deusa da Lunação – 20/09 a 19/10/ 2017: Rati

“Abrace sua paixão.”

Adorada na Índia, a bela Rati tem  o corpo maduro de uma mulher nos últimos estágios da gravidez. Seus poderes que inspiram paixão têm semelhança com Vênus, a deusa romana do amor. Embora Rati fosse filha do fogoso deus solar Daksha, ela é associada com a água. As apsarás – um grupo de deusas aquáticas tão mutáveis quanto as marés – incluem essa deusa hindu do amor entre seus muitos membros. Famosa pela sua capacidade de mudar de forma, , as apsarás muitas vezes assumem a aparência de mulheres sedutoras e irresistíveis.

Os poderes passionais de Rati inspiraram um livro semelhante ao Kama Sutra intitulado Ratirahasya, que significa “os segredos do amor”. Os segredos da deusa do amor são expostos em suas páginas explícitas, que incluem numerosas técnicas para proporcionar prazer aos amantes.

Texto retirado do livro “Oráculo Sagrado das Deusas”, de Kris Waldherr

Ótima lua nova a tod@s!
Mônica Azevedo


terça-feira, 22 de agosto de 2017

Minha Deusa da Lunação – 21/08 a 20/09/ 2017: Zhinu

“Deixe que as estrelas inspirem você. Descubram um modo original de superar um obstáculo.”
A deusa chinesa Zhinu é a patrona divina da tecelagem. Ela é responsável pela confecção das roupas ornamentadas do Imperador Celestial e sua família, e em seu trabalho é semelhante a uma fada.

Zhinu também é associada com os céus, cujos movimentos supostamente tecem o destino. Alguns afirmam que ela mora dentro da constelação de Lira, em Veja, uma estrela brilhante. Uma história conecta a criação da Via Láctea com essa deusa. Quando Zhinu se apaixonou por um pastor mortal, ela começou a negligenciar sua tecelagem, para frustração de muitos mortais. Para manter os dois amantes separados, deuses colocaram um rio de estrelas entre eles. No entanto, um bando de gralhas se apiedou deles e decidiram voar juntas para formar uma ponte  sobre a Via Láctea, reunindo a deusa com seu amado.

Texto retirado do livro “Oráculo Sagrado das Deusas”, de Kris Waldherr

Ótima lua nova a tod@s!


Mônica Azevedo

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Minha Deusa da Lunação – 23/07 a 21/08/ 2017: Rhiannon

No Mabinogion, uma coleção de mitos galeses, a deusa dos cavalos Rhiannon é apresentada como uma deusa encantadora e diáfana, trajada de ouro puro. Pwyll, o príncipe de Dyfed, apaixonou-se por ela depois de contemplar em segredo a beleza etérea dessa deusa, em seu cavalo branco. Pwyll adivinhou a sua origem divina, mas estava fascinado. Ele cavalgou tão depressa quanto pôde para alcança-la, mas não importava o quanto corresse, não conseguiu alcançar a deusa.

Por fim, humilhado, o príncipe pediu a Rhiannon para esperar por ele, o que ela fe. Quando ele perguntou: “Por que você não parou antes?”, ela respondeu: “Por que você não pediu antes?” E assim, Rhiannon aceitou Pwyll como seu consorte. A história de Rhiannon e Pwyll sugere que os nossos desejos sempre estão ao nosso alcance. Para que eles sejam realizados, às vezes tudo o que precisamos fazer é pedir.

Texto retirado do livro “Oráculo Sagrado das Deusas”, de Kris Waldherr

Ótima lua nova a tod@s!

Mônica Azevedo


“Escolha uma estratégia para atingir o seu objetivo. A hora é agora.”

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...